Conhecimento interior

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Miriam Gimenes

Instrutora de meditação Caroline Apple fala da importância da prática para atravessar este momento que vivemos.
 
Durante muito tempo a jornalista Caroline Apple renegou os efeitos da meditação. Achava que era artifício de autoajuda, sem resultados efetivos. Isso até a sua vida dar uma reviravolta e ela encontrar na prática os prazeres que concentrava em subterfúgios que não a faziam bem. Isso foi há três anos. De lá para cá desenvolveu o verbo meditar, se tornou instrutora e acaba de lançar o portal de notícias sobre autoconhecimento namastreta.com.br,   onde diariamente atende, de forma gratuita, pessoas que queiram, assim como ela, buscar conhecer o seu ‘eu’ e a atravessar este momento tumultuado em razão da pandemia do novo coronavírus  da melhor maneira possível.

“Tenho atendido pessoas muito ansiosas. Algumas não dormem, outras passam o dia fritando, como eu falo, ‘batendo os pinos’.  A meditação, assim como tudo na vida, pode ser um amortecedor.  A proposta de aprender a meditar neste momento é você conseguir expandir a sua consciência do meio do domínio dos seus pensamentos para conseguir encarar a realidade. Você pensa ‘estou de quarentena, estou em isolamento, como encaro em forma mais equilibrada?’ A partir da meditação. Não é fingir que nada está acontecendo, mas para ter força para encarar a realidade”, explica a instrutora.

O atendimento, que é personalizado, dura, em média, 40 minutos. Caroline analisa caso a caso, o que acha que é o diferencial do tratamento que garante, durante a pandemia, que seja gratuito. “Você entende a necessidade da pessoa e que tipo de vida que ela leva. Além de tudo, esse tipo de atendimento começa a ser muito bom para mim, porque, se atendo três pessoas por dia, é uma hora e meia dedicada à meditação. Começa a roda da cura, a gente vai se ajudando a se curar.” Para conseguir atender as pessoas da melhor forma, condensou os pedidos pelo portal, que também conta com entrevistados – inclusive com a Monja Coen, que foi quem despertou a meditação em Caroline –, informações, frases de inspiração, pensamentos etc.

Em um dos posts mais recentes, Caroline fala sobre os mantras que ajudam a aliviar o estresse e a ansiedade da quarentena. Eles podem ser entoados ou cantados, e ajudam a fazer a conexão essencial para a meditação. Vale a pena conferir!
 
 



Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2020. Todos os direitos reservados