Vera Fischer relembra fala de diretor de teste no início de sua carreira: - Você nunca vai ser atriz

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Estadão

Vera Fischer participou do Altas Horas no último sábado, dia 30, e falou sobre o começo de sua carreira - que não foi nada fácil! A atriz, que atualmente está trabalhando em Espelho da Vida e na série Assédio, contou uma situação difícil que viveu durante um teste para um papel no teatro.

Vera revelou que tinha aproximadamente 19 anos de idade quando foi fazer uma audição para uma peça de teatro. O diretor, cujo nome não foi revelado, fez com que ela fizesse uma cena em que pede um táxi, e então a rejeitou.

- Ele falou assim: ''''você nunca vai ser atriz, pode ir embora'''', contou Vera. Anos depois, eu encontrei esse senhor, eu já atriz famosa, olhei pra ele, ele me olhou, abaixou a cabeça e saiu andando. Olha só como a vida é, né?

Rodrigo Lombardi, que também estava presente no programa, também falou sobre como construiu sua carreira - de um modo bem inusitado, inclusive - e aproveitou para dar um recado aos jovens atores.

- Costumo dizer e é muito importante para quem está começando agora... Este foi mais um dos trabalhos em que eu não fui a primeira opção. E a minha carreira é feita 90% destes trabalhos em que eu não fui a primeira opção. Mas assim que eu pisei no set eu fiz o melhor que eu pude. E é por isso que eu estou aqui hoje.

A fala veio depois do ator falar dos desafios de gravar a segunda temporada de Carcereiros. Quem iria interpretar o protagonista Adriano, primeiramente, seria Domingos Montagner, que morreu durante as gravações da novela Velho Chico em 2016. Rodrigo Lombardi, então, foi escolhido para o papel, e entrou às pressas no elenco.

 




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2019. Todos os direitos reservados