Obras de diversas formas

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Karine Manchini<br>Especial para o Diário

 Com o objetivo de trazer reflexão aos visitantes, estudantes e professores, está em cartaz na Fundação Pró-Memória de São Caetano, até 22 de setembro, a exposição Contrastes – Ken I Chi Kaneko e Bia Dória. Com a curadoria de Nair Duarte e Fabiana Cavalcante, a mostra reúne 52 obras e, como o nome já diz, destaca o contraste de dois artistas com visões e linguagens diferentes, mas que trazem algo em comum: deixam em evidência a natureza e a diversidade como ponto de partida.
Ken I Chi Kaneko é um artista que está completando 50 anos de carreira, sobrevivente da Segunda Guerra Mundial. Ele cria obras autobiográficas com o olhar voltado para o homem e sua interação com a natureza. Além de trabalhos coloridos e marcantes, aponta críticas sobre alguns temas como guerras, diferenças sociais e tragédias naturais.
Já Bia Dória – mulher de João Dória, prefeito de São Paulo – também tem a natureza como matéria-prima. A artista resgata materiais destruídos como pedaços de árvores de queimadas e alagamentos e dá outro sentido para esses objetos. Suas esculturas são sensíveis e buscam expandir a consciência. “São obras diferentes. Ele é um artista que abstrai e ela vai de encontro com a sustentabilidade. Foi assim que surgiu a ideia do nome da exposição. Essa questão de contraste foi algo que nós, da Fundação Pró-Memória, primamos para formar público, principalmente aqui no município, em que as pessoas desconhecem os espaços culturais e acabam indo para as pinacotecas do Estado”, explica Nair.
Além disso, o local faz parcerias com a Secretaria de Educação de São Caetano e oferece projetos pedagógicos para professores que querem levar atividades para seus alunos com o objetivo de acrescentar conteúdo no currículo escolar.
Contrastes – Ken I Chi Kaneko e Bia Dória – Exposição. Na Fundação Pró-Memória – Av. Dr. Augusto de Toledo, 255. Até 22 de setembro, de segunda a sexta, das 9h às 17h e aos sábados das 9h às 13h. Entrada gratuita.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2018. Todos os direitos reservados