Toshie Kobayashi ganha homenagem na região

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Vinícius Castelli

 Em sua terceira edição, a Mostra de Dança de São Caetano agora presta justa homenagem à bailarina e coreógrafa da região Toshie Kobayashi, morta em 2016. O evento, que a partir de agora leva o nome da artista, acontece sexta (19h30), sábado e domingo (18h), no Teatro Paulo Machado de Carvalho (Alameda Conde de Porto Alegre, 840). A entrada é gratuita.

Cláudia Hirota, coordenadora de dança da Secretaria de Cultura, explica que Toshie é uma referência para São Caetano. “Ela teve escola aqui por mais de 30 anos. Levou muitos alunos para dançar no Exterior. Foi professora de quase todo mundo que é professora hoje na cidade”, explica ela.

Na abertura do evento, a partir das 19h30, haverá, no saguão do teatro, mostra com parte do acervo deixado pela artista, como figurinos, pôsteres e imagens de Toshie dançando, entre outras coisas. Na ocasião, familiares da bailarina receberão homenagem pelos ensinamentos deixados na área de dança.

No total, a mostra contará com 42 escolas da região, que apresentarão 140 coreografias. “Minha preocupação, enquanto educadora, é que não houvesse competição. Convidamos escolas, grupos, públicos e particulares que tenham a dança em sua grade”, explica Cláudia, que adianta já pensar em ter um espaço fixo para todo o material deixado por Toshie, como forma de fomentar a dança e mostrar o legado da coreógrafa.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2018. Todos os direitos reservados