Muito mais que um amante latino

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Vanessa Soares Oliveira

 “Gosto de contar história. Uma história que me inspira, que me toca, que eu acho que vale a pena compartilhar.” Esse é o principal requisito que a escritora e pesquisadora musical Bruna Fonte, 25 anos, de Santo André, leva em consideração quando decide escrever sobre alguém: precisa ter relevância, ser interessante. E partindo desse princípio ela está dando vida à biografia Sidney Magal: Muito Mais Que Um Amante Latino, em estágio de finalização e que será lançada apenas no segundo semestre.

A publicação faz parte das comemorações de 50 anos de carreira do artista, celebrado este ano. A proposta para escrever o livro partiu do próprio Magal, em 2012, quando Bruna lançou Essa Tal de Bossa Nova, em que conta sobre a vida do violonista e compositor Roberto Menescal. “Magal foi uma das pessoas que apareceram na leva de gente que veio junto com o Menescal. Liguei para ele para confirmar uma informação e a gente ficou quase como melhores amigos de infância. Ele acabou gostando do livro e me falou: ‘Vem cá, porque a gente não faz um também?’”, relembra a andreense.

Apesar do acerto feito há cinco anos, foi apenas no fim do ano passado que Magal concluiu que a hora de publicar a biografia havia chegado. “Este é o momento, justamente porque ele está completando 50 anos de carreira”, explica a escritora, que relembra ainda que, quando foi escolhida para dar vida à biografia, diversos outros autores tinham demonstrado interesse em realizar o trabalho.

Primo de segundo grau do poeta Vinicius de Moraes, Magal nasceu em família de artistas e, desde criança, recebeu o incentivo da mãe para seguir na carreira de músico. Começou com intuito de se tornar cantor lírico, mas já na infância recebeu influências que o tornariam o artista que é hoje. Começou sua carreira na década de 1970, cantando em programas de televisão, boates e casas noturnas e foi na Europa que tudo deslanchou e quando realmente ganhou fama. Esses e outros detalhes estarão no livro.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2018. Todos os direitos reservados