Mulheres esgotadas com a rotina

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Karine Manchini

Mulher sempre reclama do acúmulo de funções. Tem de ser dona de casa, dar conta da agenda profissional, dos filhos, entre inúmeros outros compromissos. Baseada neste cotidiano nada tranquilo feminino, está em cartaz no Teatro Gazeta, em São Paulo, a comédia Coisa de Mulher, que conta com a participação da atriz e moradora de São Bernardo Deise Paz, que foi apresentadora do programa All Type na TV ABCD.

Na própria peça, Deise é cheia de tarefas: faz a desinformada Eliete; a taróloga Júlia Botafogo; a Paula, que faz propaganda de um produto que desencrava pelos e, por fim, Cátia, que faz merchandising de um antibafo. Os atores Octávio Mendes, Márcia Manfredini (que também interpreta quatro personagens) e Adriana Lessa dão vida aos demais participantes da história.

Escrita por Walter Júnior e dirigida por Maximiliana Reis, também moradora de São Bernardo, a peça faz uma paródia do cotidiano de Núbia de la Canastra (interpretado por Octávio Mendes), apresentadora de uma atração de sucesso que trata de assuntos femininos, mas faz com que a mulher fique esgotada com sua rotina pesada de trabalho.

Fora da ficção, muitas mulheres têm uma rotina de trabalho dobrada e, com foco nisso, a peça traz alguns pontos de reflexão. “No caso do espetáculo, a personagem de Núbia de la Canastra passa por essa pressão e se lamenta por ter se separado do marido por causa de sua carreira. Acho que por meio da comédia podemos refletir um pouco e reverter algumas situações que nós passamos”, acredita Maximiliana.

A diretora precisou buscar algumas referências em programas reais que fossem direcionados ao público feminino para criar os personagens. “Fui dando algumas sugestões até realmente os atores se sentirem à vontade para interpretá-los. Adoro fazer esse processo de construção, a televisão é um cardápio bem variado para inspiração também”, explica.

Atuando em outros projetos com os colegas de espetáculo, Deise está se sentindo à vontade para trabalhar como atriz e produtora em Coisa de Mulher, além de se identificar com alguns dos papéis que interpreta. “Eu e a Márcia fomos olhando os textos e nos reconhecemos nos personagens. É o caso da Paula, que faz propaganda e é gaúcha. Me reconheci nela, pois sou conterrânea dela e para mim é a personagem que mais tem carisma”, diz Deise.

Coisa de Mulher – Espetáculo. Teatro Gazeta ( Av. Paulista, 900 – Térreo). Sextas, às 22h45, sábados, às 22h e domingos, às 20h, até 30 de abril. Ingressos: De R$ 30 a R$ 70. Mais informações: 3253-4102. 




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados