Arte também é discussão

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Karine Manchini - Especial para o Diário

 

Existem assuntos tão profundos que só a arte tem o poder de esmiuçá-los. O teatro é uma dessas artes. Apostando em temas como homofobia, aborto, cultura do estupro, machismo e perseguições às religiões oriundas da África, a Companhia de Teatroendoscopia, fundada por integrantes da Escola Livre de Santo André,leva ao palco Dois Perdidos Numa Noite Suja, de Plínio Marcos, e Alma, adaptação livre inspirada na Valsa nº 6, de Nelson Rodrigues.

As peças estão em cartaz no Teatro Arena Eugênio Kusnet, em São Paulo. “Na Capital temos mais facilidade de apoio com as leis de incentivo. É fundamental que o Grande ABC tenha estrutura assim para que o teatro possa existir com mais potência”, conta ao Diário o diretor Flávio Marin. O elenco é formado por Andressa Ferreira, Daniel Gregório e Glauber Pereira.

O monólogo Alma, que traz cenário similar a um terreiro de Umbanda, cercado por velas e instrumentos da cultura africana, faz com o que os espectadores mergulhem no drama de Sônia. A personagem está em conflito, pois perdeu a memória. Ela toca Djembe e Berimbau, canta e pede ajuda de Iemanjá. Quando finalmente começa a lembrar, vai recordando de agressões sofridas.

As cenas são emocionantes e trazem reflexão. O público não só assitiste, mas também é incluído na história. “A gente foi adaptando o texto, que é de 1951, para os dias atuais. Buscamos interagir com a plateia, trazendo o machismo como pauta e falando do empoderamento feminino”, conta Andressa, que interpreta Sônia.

Em Dois Perdidos de Uma Noite Suja é retratado a vida de dois homens que trabalham e moram juntos. Os conflitos que surgem com a convivência os levam a situações extremas, como agressões físicas e verbais.

Cia. Teatroendoscopia – Peça. Teatro Arena na Rua Teodoro Baima, 94, em São Paulo. Ingressos: R$ 15 a R$ 30. Dois Perdidos Numa Noite Suja (quinta e sexta, às 21h; até dia 24); Alma (sábados, às 21h, e domingos, às 20h; até dia 26).  




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados