Vida contada em desenho

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Vanessa Soares Oliveira

Algumas pessoas nascem com um brilho especial. Parece que foram colocadas neste mundo com propósitos diferentes da maioria, são iluminadas. dom Paulo Evaristo Arns (1921 – 2016) foi uma dessas pessoas.Abdicou da sua vida em prol do semelhante. Lutou pelos direitos humanos e contra a ditadura militar. Desenvolveu diversos projetos para a população de baixa renda e, ao lado de sua irmã Zilda Ars (morta em 2010 no terremoto do Haiti), criou a Pastoral da Infância, dentre tantas outras ações sempre pensadas para o bem coletivo. Trabalhou ainda como jornalista, professor e escritor, tendo publicado 57 livros, e era arcebispo emérito da Arquidiocese de São Paulo. Morreu aos 95 anos em 14 de dezembro do ano passado em decorrência de uma broncopneumonia. Sua trajetória sempre será lembrada e sua memória jamais esquecida.

Diante disso, nada mais justo do que homenageá-lo. Foi o que fez a ACB (Associação dos Cartunistas do Brasil) em exposição virtual à disposição de quem quiser conferir no site hqmix.com.br. “Dom Paulo trabalhou muito pela liberdade de expressão, ponto básico dos cartunistas. Então resolvemos fazer essa mostra”, explicou o jornalista José Alberto Lovetro, responsável pela exposição. As obras de diversos desenhistas retratando o arcebispo em diferentes situações foram reunidas no endereço virtual, entre elas desenhos dos artistas Seri e Fernandes, ambos ilustradores do Diário.

FILME
A exposição virtual vem sendo sucesso desde que foi colocada no ar. Diante disso, as imagens da mostra farão parte do documentário Coragem! As Muitas Vidas do Cardeal Paulo Evaristo Arns, com direção do jornalista Ricardo Carvalho e que tem previsão de estreia em março deste ano. Além disso, o filme vai integrar a programação do 22º Festival É Tudo Verdade antes de entrar no circuito comercial.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados