‘O Apartamento’ chega com indicações

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Marcela Munhoz

 Vencedor dos prêmios de melhor roteiro e melhor ator (Shahab Hosseini) no Festival de Cannes, O Apartamento – que chega hoje aos cinemas; está em cartaz no Espaço Itaú, em São Paulo – também está entre os nove finalistas ao Oscar de melhor filme estrangeiro e concorre ao Globo de Ouro da mesma categoria. A obra é assinada por Asghar Farhadi, o mesmo de A Separação (2011), vencedor de 78 prêmios internacionais.

O filme iraniano é sobre um casal que se vê obrigado a mudar de emergência e começa a morar em um apartamento de uma garota de programa. Certo dia, um dos clientes da ex-morada invade o lugar e abusa da mulher de Rana (Taraneh Alidoosti), que fica gravemente ferida. A partir daí, Emad (Shahab Hosseini) alimenta uma vingança contra o criminoso, tocando em assuntos polêmicos como os laços matrimoniais de seu país, assédio e violência contra as mulheres, e a escolha de Rana em não denunciar o abuso, com medo de ser considera a culpada de tudo.

Outro ponto interessante do longa é que o casal de protagonistas encena, ao mesmo tempo, a peça A Morte do Caixeiro Viajante, de Arthur Miller, que conta a história do caixeiro viajante, Willy Loman. Ele passa por dois dramas, um social e outro familiar, que o leva ao declínio. Os personagens do filme e do teatro acabam encontrando pontos em comum. É daqueles filmes que propõe reflexões.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados