Tapeçaria de Burle Marx volta amanhã

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Miriam Gimenes

A tapeçaria do paisagista e artista plástico Roberto Burle Marx (1909-1994), um dos mais importantes patrimônios públicos e culturais de Santo André, voltará amanhã ao Paço Municipal. Ela havia ficado quase duas semanas presa no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, por conta da mobilização dos auditores da Receita Federal, que desde agosto estão praticando espécie de operação-padrão – com a fiscalização e liberação de mercadorias mais lentas –, pleiteando aumento salarial. Ontem, enfim, sua liberação foi anunciada pela Prefeitura.
Feito por uma empresa especializada em obra de arte, o transporte da peça segue todos os rigores – até com caixa especial – para que a mesma não sofra avaria. É ela quem trará o compartimento até o Paço, onde será içado por cabos até o Salão Nobre da Prefeitura. Depois de descansar as fibras, ela será recolocada no chassi, que foi reformado há pouco para comportá-la.
A tapeçaria estava, desde abril, sob custódia do Museu Judaico de Nova York, que expôs a peça de maio a setembro em mostra que homenageou o paisagista. 




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados