Gregory Porter lança quarto disco

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Vinícius Castelli

Após levar o Grammy de melhor álbum de jazz com Liquid Spirit (2014), o norte-americano Gregory Porter segue os degraus da vida musical com êxito e coloca nas prateleiras Take Me To The Alley (Universal Music, R$ 27,90, em média), seu quarto trabalho. Cantor e compositor de 44 anos, Porter é um daqueles artistas que, se você ainda não ouviu, vale a pena descobrir.

Nome que promove mistura de receita de standards da música norte-americana com pitadas atuais, além de contar com vozeirão que lembra o veterano Bill Withers, ele promove resultado elegante em seu novo disco e tem o desafio de superar o trabalho anterior. Com produção assinada por ele ao lado de Kamau Kenyatta, com quem trabalhou nos outros discos, Take Me To The Alley é ilustrado por 12 composições, todas assinadas por Porter.

Acompanhado por banda de peso, que conta com saxofones alto e tenor, órgão, piano, trompete, além de cama formada por contrabaixo e bateria, Porter aposta no disco em receita que caminha por jazz não virtuoso, misturado a soul music e R&B. Entre os destaques estão Don’t Lose Your Steam, single que ganhou clipe, e Consequence Of Love, em que ele aproveita para discutir relacionamentos.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados