...Preciso falar de família

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Marcela Munhoz

O momento de fazer a revista de outubro chegou e achei que já era hora de homenagear as crianças. Comecei a pensar sobre quem seria o ídolo do momento. Não consegui chegar ao nome de nenhuma apresentadora estilo anos 1980 – ok, isso faz parte da minha época – por outro lado, nem precisei listar cantores teens importados. Parei em uma garota que atende por nome e sobrenome: Larissa Manoela, e é daqui mesmo. Muito adulto pode simplesmente se perguntar quem é a tal, mas antes de achar que enlouqueci, questione qualquer criança no alto de seus 7, 9, 11 anos, para menos e para mais, quem ‘bomba’ hoje. A resposta é imediata. Larissa tem 15 anos, mas começou na carreira artística há mais de uma década. Hoje ostenta dois papéis de protagonista de televisão (se contar mesmo, são três, já que no último papel interpretou gêmeas), já fez cinema, dublagem, gravou CD, escreveu livro e, claro, é imba­tível na internet.

Passar uma tarde por perto da menina já bastou para sentir a grande responsabilidade que essa moça ­ ­– Larissa acaba de completar 15 anos – carrega nas costas. Tudo o que ela faz é vigiado, qualquer atitude é debatida e o próximo passo é esperado. Cansa só de olhar. E em época que qualquer um tem celular a ‘postos’ para ‘postar’, a pressão sobre um ídolo teen é ainda mais explosiva. No caso de Larissa, é fácil enxergar quem são seus extintores de incêndio. Basta observar quem está sempre ao seu lado e é alvo dos olhares a todo momento e menções da garota em, praticamente, todas as suas entrevistas: os pais, Silvana Taques e Gilberto Santos. “Mesmo se Larissa não fosse figura pública, nós estaríamos juntos. Meus pais foram assim comigo e fazemos questão de passar os mesmos va­lores para ela. Que a gente possa levá-la sempre pelo melhor caminho, mesmo quando for adulta”, enfatiza a mãe. Para o pai, ouvir as crianças gritando o nome da filha é emocionante. “Nós nunca imaginamos que chegaria a esse ponto. Ao mesmo tempo em que é ma­ravilhoso, a responsabilidade é enorme. Sempre bato na tecla para ela que a fama é passageira.” Realmente a fama passa, mas Larissa está sabendo aproveitá-la como ninguém.

Leia também nesta Dia-a-Dia perfil de João Baldasserini, o Beto da novela Haja Coração. O perso­nagem tem conquistado o público pelo jeitão bagunçado de ser, e o ator, por seu bom humor e carisma. Mas gosta de falar, hein! A repórter Vanessa Soares passou um bom tempo com o artista ao telefone. Vale a pena ler o resultado. Já o desafio de Vanessa Ratti foi traduzir em uma reportagem muito o que tem se discutido sobre os polêmicos temas eutanásia e suicídio assistido. A reflexão é inevitável. Até o fim da revista você vai se deparar com as novidades no mercado de beleza, vai descobrir as várias funções dos paletes na decoração e viajar para a belíssima Veneza. Tem assunto para toda a família. Boa leitura.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados