Começa hoje em Santo André mostra que relaciona arte e portões

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Marcela Munhoz

Quem tem a arte no DNA não cansa de pensar em como mostrar ao mundo o que sabe fazer. A artista plástica Sueli de Moraes é exemplo. Em 2009, ela criou o Cuiabá 153, quando abriu sua casa para artistas da região exibirem trabalhos. Neste ano aconteceu a quarta edição. Daí, surgiu o Portões Que Falam, que tem como proposta a intervenção artística coletiva nos portões da Rua Cuiabá, em Santo André, onde Sueli mora. Desde então, os projetos visitam vários aparelhos culturais do Grande ABC.

A partir de hoje, às 14h, o endereço é o Salão de Exposições do Paço Municipal (Praça 4º Centenário). A mostra reúne mais de 50 trabalhos com a temática indígena. “O legal de trazer do espaço público para o fechado é que o visitante pode ter novo olhar, a exposição ganha novo volume”, diz Sueli. A entrada é gratuita e a visita pode ser feita de terça-feira a sábado, das 14h às 19h. Portões que Faltam do Paço fica em cartaz até dia 29.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados